Translate:

Pesquisar este blog

Receba as atualizações do blog em seu e-mail:

• Arguivo do blog

sábado, 4 de abril de 2015

ASSEMBLEIA OU ASSEMBLEIAS DE DEUS?

Há coisas absolutamente incompreensíveis no campo das denominações evangélicas; mais especificamente nessa colcha de retalhos (multiministérios) chamada Assembleia de Deus.
Nasci assembleiano, cresci assembleiano e mantenho-me assembleiano. Conheço bem, melhor, conhecia bem a minha denominação: inimiga de conchavos, intrépida contra o que é errado, defensora intransigente de tudo quanto ordena a Bíblia, que é a Palavra de Deus.
Os ministérios mantinham uma conduta quase homogênea, até nos exageros absolutamente dispensáveis, no que se refere ao traje, aos cabelos e outras bobagens. Todavia, no essencial, eram ministérios concordes.
Assusta-me, talvez não só a mim, observar os diversos ramos assembleianos que se chocam frontalmente em diversos aspectos da maior importância. Creio mesmo que esse seja um dos motivos do incrível trânsito de fiéis entre uma igreja e outra. Há A.D. para todos os gostos! Antigamente, ou se era assembleiano ou não se era! Deixando o arraial, o fiel não encontrava um meio em que se mantivesse assembleiano. Não que isso seja de modo algum imperioso para a salvação ou para o serviço a Deus. Não se serve a Deus por pertencer a uma agremiação, mas por estar em Cristo.
O que pretendo mostrar é que havia "unidade", como relata o livro de Atos dos Apóstolos em seus primeiros capítulos.
Vê-se, nestes tempos, uma Assembleia de Deus corintiana (nada com o clube de futebol paulistano), confusa como a igreja que estava na cidade de Corinto. Ali, uns queriam uma coisa; outros, outra! Até que o apóstolo Paulo escreveu-lhe a primeira carta, chamando-a à atenção e, por extensão, a nós também. Aquela era uma igreja abençoada; a A..D. também o é. Tinha todos os dons; a A.D. também os tem. Mas eram crianças espirituais, imaturos, arrogantes, cheios de seu próprio conhecimento. E nós?
Assim vem caminhando a Assembleia de Deus destas épocas.
Esse esgarçamento na unidade também propiciou, lá pelos anos 1950-60, o surgimento de outras denominações que, embora tenham mantido a marcha inicial da doutrina bíblica, figuram como produtos de cisão; portanto, de controvérsia em algum ponto. Isso não é anormal, nem condenável. Essas igrejas, felizmente, tornaram-se coirmãs, diferentemente dos chamados movimentos neopentecostais; a praga deste século.
Diante dessa praga que deturpa o evangelho de Cristo, não se vê a igreja cristã considerá-la anátema, como recomenda o apóstolo Paulo (Gálatas, 1: 8). Ao contrário, muitos ministérios têm andado de mãos dadas com os hereges, a fim de usufruir não se sabe que espécie de benefício. Chegam mesmo a imitar suas práticas!
Há igrejas Assembleia de Deus entrevistando pessoas à entrada do templo, levando-as a declarar os benefícios materiais (dívidas pagas, compra de casas, aquisição de empresas e de automóveis) com que ali são beneficiadas pele pregação do "homem de Deus"!. Tudo isso gerando o endeusamento do "pastor presidente", o qual "sempre nos dá uma palavra abençoadora". Abençoadora? Semelhante à palavra dos entrevistadores da IURD, igual às aberrações das toalhas, travesseiros e águas ungidas para a prosperidade financeira em curtíssimo prazo? Uma vergonha assembleiana!
Enquanto escrevo, ouço um "grande líder" assembleiano dirigir-se a possíveis inimigos do evangelho, dizendo: "Não brinquem conosco! Nós não gostamos de brincadeiras; aprendemos a ser sérios" (sic).
Quem é o "conosco"? É a A.D. dele, juntamente com Edir Macedo (o herege), com Waldemiro Santiago (o milagreiro valentão), entre outros? Mas, e a doutrina? E a atenção aos ensinos de Paulo, o (de fato) apóstolo?
Não se duvide dos interesses escusos que envolvem essas afirmações. Aliás interesses escusos que envolvem pastores pentecostais com a política espúria, bem como com outras associações nem um pouco cristãs, que me pouco de enumerar.
Que estão fazendo os decentes pastores assembleianos? Por que se calam diante de tanta safadeza? Será que esses ainda existem? Tenho certeza de que existem e que, dentro de suas possibilidades, lutam pela preservação do evangelho verdadeiro. Mas a máquina (máfia) cresceu, ficou poderosa e dividiu o poder entre seus chefões. A verdadeira A.D. está esmagada, sufocada sob o peso desses líderes que se comportam como os maus profetas de Israel (Jeremias, 23).
 Os líderes, a quem me refiro devem relembrar a História Bíblica de Israel e reler (ou ler) o relato sobre os filhos do sacerdote indolente, Eli, em 1 Samuel, 2:12-17.
Oremos pela paz de Jerusalém;. mas oremos pela renovação das Assembleias de Deus no Brasil, a fim de que ela se lembre dos primeiros tempos, do primeiro amor.

4 comentários:

  1. Absolutamente corretas suas colocações! Talvez até um pouco piores na atual conjuntura!

    ResponderExcluir
  2. Paz do Senhor!

    Parabéns pelo artigo apologético, muito bom e verdadeiro. Essa "colcha de retalhos" que está a nossa denominação, têm adotado uma postura neopentecostal. Estamos perdendo a identidade e esta geração de novos pastores assembleianos (não todos), têm conduzido esta denominação ao mais baixo nível doutrinário. Como o senhor mesmo diz em seu texto: "Os líderes, a quem me refiro devem relembrar a História Bíblica de Israel e reler (ou ler) o relato sobre os filhos do sacerdote indolente, Eli, em 1 Samuel, 2:12-17". Pois infelizmente, muitos líderes se enquadram na postura de Hofni e Fineias.

    Vamos orar pela nossa denominação. Acredito que Deus vai mudar o quadro eclesiástico em crise.

    ResponderExcluir
  3. Caro Professor Tavares,
    Assim como o amado, nasci, cresci e me mantenho assembleiano. Hoje, pela misericórdia de Deus, já hà quase trinta anos pastoreando, mas sou solidário com o amado e assino em conjunto seu apologético post. - Parabéns!
    Oremos pelas Assembleias de Deus.

    ResponderExcluir
  4. Também faço coro com o amado, pois diante dos fatos delirantes de nossa sofrida "Bleia", resta-nos clamar ao Pai para o reavivamento, e Ele que expurgue de nosso meio esses Balaões, esses Abirões, Corãs e Datãs. Deus até me deu um dos hinos a respeito de nossa querida e Saudosa Bleia, _ clicar LINK A SEGUIR: www.youtube.com/watch?v=23G9OS3yIjA -, onde nasci no evangelho e permaneço -- CHORANDO - até hoje "batalhando pela fé que uma vez por todas foi dada aos santos" Cordialmente, Por Jesus e sua Palavra. Pastor Raimundo Nonato Ramos da Silva (AD (TRADICIONAL) NO RJ - Campo Grande - Rio de Janeiro-RJ

    ResponderExcluir