Translate:

Pesquisar este blog

Receba as atualizações do blog em seu e-mail:

• Arguivo do blog

terça-feira, 2 de agosto de 2011

CUIDADO COM AS PROVOCAÇÕES!

A última novidade dos ativistas gays é a provocação. Saem para os ambientes públicos: trens, metrôs, "shopping centers", restaurantes etc., e passam a agir de forma indecorosa, beijando-se na boca acintosamente diante de espectadores estupefatos.
Noite dessas, voltando do trabalho às dez horas da noite, vi - com meus próprios olhos - uma par gay masculino que, em pé, no vagão em que varios lugares estavam vazios, beijavam-se e agarravam-se no corredor com a indiscutível intenção de provocar a reação dos passageiros circunstantes. Ninguém, entretanto, ousou sequer comentar o que se passava. Todos preferiram suportar a ofensa moral em silêncio.
O comportamento dos passageiros daquele trem foi adequado, porque não sucumbiram à estupidez daquele par.
Entretanto, quero deixar aqui uma proposta: expostos a essas situações vexatórias, o melhor é não reagir com gestos nem com palavras, como se orienta em casos de assaltos. Todavia, não podemos emudecer de vez diante dessas ofensas: publiquemos o relato, escrevamos para os jornais (mesmo para aqueles que apoiam e incentivam tal comportamento), mandemos cartas para os programas de televisão e usemos toda a mídia que nos rodeia, a fim de que a sociedade saiba que há uma parcela de cidadãos que não compactua com essa bandalheira; aliás, uma grande parte dos gays não age descaradamente e discorda dessas atitudes. Os que se tornam provocadores são desrespeitosos e não merecem uma palavra das pessoas decentes. Merecem o mais perceptível desprezo. Não deixemos de relatar as afrontas, pois desse modo saberemos quais as intenções dos ativistas inescrupulosos do homossexualismo.
Respeitemos os homossexuais; mas delatemos a imoralidade provocadora de alguns. O Brasil não pode estar entregue à devassidão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário